Dor nas costas : prevenção, conselhos, causas, sintomas e tratamento.


Prevenção dor nas costas

Conselhos para dor nas costas:

– Em caso de dor nas costas, não hesite em adotar «diferentes tipos de medicina» para completar a terapia clássica ou a fitoterapia. Você pode consultar um osteopata, fazer massagens, Yoga,alongamentoou ainda acupuntura (útil em caso de dores).

Evite permanecer muito tempo na cama e deitado, converse com o seu médico. Se este disser para sair da cama, obedeça, pois permanecer muito tempo deitado, se não for realmente necessário, pode agravar a dor nas costas. É importante também recomeçar a fazer exercícios.

Prevenção:

Quando carregar objetos pesados fique com a coluna endireitada e dobre sempre os joelhos.

Se trabalhar em um escritório, por exemplo, procure mudar freqüentemente de posição, pois manter sempre a mesma posição não é bom para as costas. É também aconselhado se levantar regularmente.

Durma em um bom colchão e um bom sommier(duro de preferência).

Utilize calçados confortáveis mas que estejam firmes nos pés.

Controle o seu peso.

– Pratique esportes regularmente (de preferência caminhada, bicicleta, hidroginástica ou natação). O esporte é considerado o melhor «remédio» em caso de dores nas costas. Na verdade, a prática de esportes ou exercícios fortalece a musculatura e exerce um efeito preventivo contra essa afecção.

Você pode utilizar um cinto lombar, isso permitealiviar a dor nas costas.

A dor nas costas, também conhecida como dorsalgia é uma afecção dolorosa que afeta principalmente a região lombar (parte mais embaixo das costas). Falamos mais precisamente de lombalgia, mas a dor nas costas pode atingir também as regiões cervicais (alto das costas) e torácicas (meio das costas).

No sentido estrito não se trata de uma doença mas sim de um sintoma proveniente do sistema locomotor, como problemas nervosos, musculares, catilaginosos, de disco vertebral ou de osteoartrite.

Destacamos as dores nas costas agudas (que duram menos de 6 semanas) e as dores nas costas crônicas (mais de 6 semanas). Estas últimas, mais raras, necessitam absolutamente de uma consulta médica.

As dores nas costas são raramente muito graves e se curam quase sempre após alguns dias graças a medicamentos ou massagens. No entanto, em determinados casos, as dores nas costas têm conseqüências mais graves para o paciente.

A dor nas costas é uma fonte importante de reclassificação profissional e de interrupção do trabalho, nestes casos torna-se dificícil tratar a dor nas costas e isso desencadeia uma certa frustração e raiva no paciente, pensando que o médico é incapaz. A dor nas costas é na verdade uma doença complexa da qual ainda desconhecemos todas as causas e que irá precisar ainda de muito trabalho de pesquisa para ter em prática novos tratamentos.

Causas da dor nas costas:

Apesar de a origem exata das dores nas costas ser quase sempre desconhecida, aqui estão as possíveis causas:

Problemas musculares (por exemplo, contratura muscular)

Má posição ou postura

Falsos movimentos

Problemas psicológicos como o estresse ou um choque psicológico

Osteoporose (na região óssea)

Artose (na região da cartilagem)

Artrite

Gravidez (por causa do ganho de peso)

Lesões de disco intervertebral

Fratura ou acidente

Metástase (em caso de câncer)

Sintomas:

Os sintomas da dor nas costas são em geral:

– Dor e rigidez na coluna vertebral

– Dor persistente após um longo período levantado ou sentado

– Dor persistente após ter carregado peso

Sensação de “estalo” nas costas

Tratamento dor nas costas

Tratamento dor nas costas
// //

O tratamento das dores nas costas agudas varia em função da causa, todavia, o médico pode prescrever o seguinte tipo de medicament

– antiiflamatórios não esteroidais (AINES): por exemplo à base de diclofenac, de ibuprofeno, de ácido acetilsalicílico,… Que devemser utilizados em forma de comprimidos, creme, pomada, emplastro…
Não hesite emtomar comprimidos e utilizar um creme ao mesmo tempo, isso permite acalmar mais rapidamente a dor.
Se o uso oral (comprimidos) de AINES lhe provocar queimação de estômago, peça ao seu médico para lhe prescrever um medicamento antiácido (como à base de omeprazol) ou peça para ele reduzir a dose de seu medicamento.

paracetamol, a ser tomado em forma de comprimidos, principalmente contra a dor ou em caso de artrose.

Medicamentos antidor mais fortes que os AINES, como derivados de corticóides a serem tomados por via oral, emplastros ou por via injetável.

Miorrelaxantes. Estes podem ser recomendados por médicos, principalmente em caso de dores cervicais (torcicolo). Atenção, esses medicamentos exercem um efeito sonífero, portanto evite dirigir se tomá-los.

Complement No início da inflamação ou da dor você pode efetuar compressas frias. Porém, após ter reduzido a inflamação com o uso de AINES, por exemplo (ver acima), você pode efetuar compressas quentes ou tomar banhos quentes. O calor exerce um efeito favorável em caso de dor nas costas.

Para as dores nas costas crônicas, por favor consulte um médico pois ele dispõe de diversos tratamentos e adaptará a terapia em função da causa.


// //

//

Uma resposta to “Dor nas costas : prevenção, conselhos, causas, sintomas e tratamento.”

  1. Maria Melo Says:

    Tenho uma contractura na zona dorsal, estou a tomar há 2 dias um anti-inflamatório e um relaxante muscular, receitados pelo fisiatra, só não tenho dores quando estou deitada, quando começo a mexer mais um pouco o corpo, a dor surge, posso aplicar um emplastro para minimizar a dor? A medicação foi recomendada para 5 dias. Ficaria muito grata se me puder responder.

    Maria Vieira


Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: